quarta-feira, 5 de março de 2008

Vidas Passadas


A curiosidade é inata ao ser humano e o que é certo é que cada um de nós gostaria de saber em linhas gerais como foram as suas vidas e que nomes assumiu no passado.
Esta temática é abordada muitas vezes de forma leviana, o que leva as pessoas a acreditarem que foram personagens muitos importantes da História esquecendo-se que há centenas e centenas de pessoas pelo mundo a crerem exactamente no mesmo.
Assim sendo, temos alguns milhares de Napoleões, centenas de Júlios Césares, incontáveis Cleópatras, Marias Madalenas e muitos Apóstolos. Se não fosse um assunto tão sério, seria humorístico.
Poucos há que crêem terem sido humildes camponeses numa qualquer aldeia da Idade Média, ou uma prostituta enchovalhada pela vergonha e pelas doenças ou ainda um qualquer pai de família que tenha passado desapercebido mas que cumpriu fielmente o seu papel de prover aos seus e de os educar.
Mesmo que tenhamos sido grandes no passado aos olhos dos homens, importa o aqui e o agora. Como levamos esta vida? Que lições necessitamos de aprender?
Estamos a aproveitar da melhor forma este corpo e esta vida, que custaram tanto ao nosso Ego preparar para que se aperfeiçoasse? Só importa conhecer o passado se isso nos permitir aprender com os erros.
Conhecer certos episódios das nossas vidas dá-nos a possibilidade de os evitarmos e de potenciarmos as nossas virtudes. Permite-nos também ultrapassar certas fobias e bloqueios que trazemos de antes.

Nenhum comentário: