terça-feira, 21 de abril de 2009

Parabéns Brasília!!!


Sou feliz por ser brasiliense, cerrado de céus psicodélicos e sua simpática beleza natural, sobre uma poética arquitetura... Parabéns Brasília! Na jovialidade dos seus 49 anos, só posso torcer para que as centenas que virão sejam completas e frutíferas para todos nos.
Veja agora o texto que encontrei no fotoblog de uma desconhecida e achei simplesmente o máximo...
o/Te Amo Brasília!!!\o

" Se você é de Brasília, mora ou morou por aqui, vai se identificar....Se não, vai poder conhecer melhor os brasilienses.Se você...Acredita que o "céu de Brasília" é mais bonito do que em qualquer lugar do mundo!!!Entende que, quando uma criança desenha o céu de Brasília não estará fantasiando se usar eabusar de todos os tons de vermelhos, laranjas, amarelos e azuis...Não se assusta, mas sempre se emociona quando, em dias de lua cheia, percebe uma imensa "bola"no horizonte, quando passa pela Esplanada.Sabe perfeitamente identificar a chegada da primavera.Já se pegou parado, admirando ipês amarelos, brancos, bouganvilles, sibipirunas....Se sente confortável com a umidade de 10%.Conhece os ministros e deputados como "o pai daquele cara da faculdade".Ao dirigir fica meio paranóico com os limites de velocidade.De fato pára o carro na faixa de pedestre.Não joga lixo pela janela do carro.Fica puto quando escuta alguém buzinando.Ouve dizer "é bem pertinho" e pensa tranquilamente em 50 km.Sabe do que estão falando quando perguntam "conhece alguém da dois"?Todo fim-de-semana tem um churrasco pra ir na casa de um amigo.Se sente à vontade com endereços em coordenadas cartesianas.Escuta todos os anos, "esse ano a seca vai ser braba"!Chama os amigos de seus pais de "tio" e "tia".Vê alguém fazer barbeiragem no trânsito e diz, "só pode ser Goiano"!Na primeira oportunidade dá uma escapada para a praia.Odeia quando chegam os parentes que só querem conhecer a Torre e a Esplanada.Reclama para o amigo: " Não tem nada para fazer nessa cidade" mas fica indignadoquando alguém de fora reclama que em Brasília não tem nada para fazer.Reluta, reclama, mas acaba indo comer pizza depois do cinema de domingo.Sabe perfeitamente o que significa quando alguém diz "Eu moro no Lago".Quando vai a outra cidade, fica indignado e não entende porque construíram ruas tãoestreitas com tanto cruzamento.Vê crianças gostarem de descer para brincar "debaixo do bloco"Conhece pelo menos 5 pessoas que fazem Direito.Fica chateado quando te perguntam se já viu o presidente.Acha normal o dia começar friozinho, às onze esteja fazendo um calor de rachar, à tardetoda esteja muito, muito quente e seco, e que à noite congele.Acha que casa com piscina é a coisa mais normal do mundo.Até hoje chama o supermercado Pão de Açucar de "Jumbo".Sabe que "Ir ao Gilberto" não quer dizer visitar alguém.Sabe que Samambaia não é uma planta!Fica chocado quando vai a outro lugar do Brasil e percebe odesinteresse das pessoas pelo que se passa no resto do país.Sabe que sexta-feira, se passar das 19:00 horas não dá pra encontrarlugar em boteco, nenhum.Diz, "Vou ao Shopping" sabendo que isso só pode siginificar ir ao Parkshopping,senão diria "Vou ao Pátio"Sabe que, se for ao Shopping Pier 21, não vai lá pra fazer compras.Sabe que uma boate da moda não dura mais que três meses.Já passou pelo menos um feriado em Caldas Novas ou em Pirenópolis.Morre de rir, ou de raiva nas vésperas de feriados, quando te dizem "o último quesair (da cidade) apaga a luz".Fica injuriado, quando sempre que viaja é perguntado a qual gangue você pertence,e se já queimou algum índio. E mais ainda, quando dizem que em Brasília não se trabalhae que você deve estar nadando em dinheiro. Vai a churrascos onde o traje básico dasmeninas é jeans, sandália de salto e bolsa da Louis Viton.Sabe que para ir na padaria, você leva pelo menos 10 minutos pra se arrumar.Adora viajar e dar uma escapada, mas quando volta e sobrevoa Brasília, senteuma sensação de paz imensa, um jeito peculiar de sentir-se em casa.Sabe que as 3 girias da cidade são: Véi, Tipo e Cara.Enfim, se você concordou com a metade deste e-mail, então você realmente é alguémidentificado com essa cidade tão peculiar, mas ao mesmo adorável na sua forma de ser.Pois é! E quem disse que Brasilia nao possui sua identidade?"


Uma bela canção pra Brasília!! =]


Natiruts - Presente De Um Beija-Flor

Composição: Alexandre Carlos Cruz

Beija-flor que trouxe meu amor
Voou e foi embora
Olha só como é lindo meu amor
Estou feliz agora

Veja só a névoa branca que sai de trás do bambuzal
Será que ela me faz bem ou será que me faz mal
Eu vou surfar no céu azul de nuvens doidas
Da capital do meu país
Pra ver se esqueço da pobreza e violência
Que deixa o meu povo infeliz

Beija-flor que trouxe meu amor
Voou e foi embora
Olha só como é lindo meu amor
Estou feliz agora

E a menina que um dia por acaso veio me dizer
Que não gostava de meninos tão largados
Que tocam reggae e MPB
Mas isso é coisa tão banal perto da beleza do Planalto Central
E das pessoas que fazem do Cerrado
O habitat quase ideal

Beija-flor que trouxe meu amor
Voou e foi embora
Olha só como é lindo meu amor
Estou feliz agora

Agradeço por está aqui
Manisfestar a emoção
E coloca minhas idéias, sentimentos
Em forma de canção

Agradeço por poder cantar
E ver você ouvir
E tentar entender essa mensagem
Que eu quero transmitir

Beija-flor que trouxe meu amor
Voou e foi embora
Olha só como é lindo meu amor
Estou feliz agora

Fim de ano vou embora de Brasília que é pra eu ver o mar
Mas diz pra mãe lá pro final de fevereiro é que eu vou voltar
Que é pra surfar no céu azul de nuvens doidas
Da capital do meu país
Pra ver se esqueço da pobreza e violência
Que deixa o meu povo infeliz

Beija-flor que trouxe meu amor
Voou e foi embora
Olha só como é lindo meu amor
Estou feliz agora

Nenhum comentário: