sexta-feira, 10 de julho de 2009

Mãe de todo grupo ancestral

A sacerdotisa de Bastões representa a energia arquetipica da bruxa ou feiticeira: um símbolo do poder feminino em ação.

Cronologicamente, ela é a Mãe de todo grupo ancestral, o coração da humanidade. Desfruta da inteligência natural das yogini ou Mestras do Fogo, e espelha a satisfação íntima e o bem-estar que acompanham seu trabalho de gerar poder em prol do grupo. De forma análoga aos antigos círculos de pedra, esta sacerdotisa coleta energia e a conserva, convertendo-se assim com o passar do tempo num poderoso reservatório.

Na condição de sacerdotisa (...) ela detém o conhecimento do fogo serpentino kundalínico, o qual eleva a fim de concluir suas tarefas e obras mágicas para a comunidade. Esta capacitada a posicionar-se no centro do círculo humano (...) e drenar força vital do cosmo para armazená-la para uso alheio.

Nenhum comentário: